• Clara arruda

Por que uma peça de roupa deve custar mais que o seu almoço?




Imagine esse cenário: você está andando e, de repente, uma peça de roupa te chama atenção, e você fica contente ao olhar o preço – apenas de R$ 25,00 reais – e já pensa em comprar ainda que nem esteja precisando, afinal é um preço tão acessível, não? Acho que esse valor no fim das contas nem vai te fazer falta.


Você já parou para pensar porque algumas roupas são tão baratas e outras mais caras? Será que realmente existe uma diferença que de fato justifique isso? Você sabe de onde vem as suas roupas?


Infelizmente a indústria da moda é uma das que mais poluem o meio ambiente, por isso é importante que as empresas busquem alternativas para que a produção ocorra tentando minimizar os impactos negativos em nosso planeta e na sociedade em que vivemos. E é claro, que isso irá encarecer a peça na prateleira.


Na contramão, no setor de fast fashion, (produção em massa e rápida), os preços são baixos, o consumo é rápido e as tendências mudam constantemente. Mais da metade dos itens de fast fashion são descartados em menos de um ano, de acordo com estimativas da consultoria McKinsey & Company. Além de muitas dessas empresas usarem trabalho considerado escravo.


O que queremos dizer com isso? Não dá para equilibrar tudo, sempre existirá uma parte do processo que sofrerá danos. Para as empresas que procuram melhores soluções e buscam remunerar justamente a sua cadeia produtiva é impossível competir com empresas que vendem seus produtos a preço de banana. Isso não significa que, se a peça é cara, o dinheiro foi usado de maneira correta, tá?


Chegamos a pergunta principal. A sua peça deve custar mais caro que o seu almoço PORQUE ela não deve ser descartável, PORQUE ela deve ser produzida levando em consideração os problemas ambientais, PORQUE as pessoas que trabalham nela devem ser remuneradas de forma justa e PORQUE envolve processos, planejamento, pessoas e impostos.


Você já parou para pensar por quantas mãos essa roupa que você está vestido passou até chegar a você? Vamos pontuar alguns? A(o) estilista(o) que a desenvolveu, modelista, pilotista, costureiras(os), as pessoas que trabalham no acabamento, estoquistas, vendedores, correios... enfim, MUITAS.


Se você paga quase nada em sua peça, QUEM paga o preço da sua roupa?

18 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

NOSSAS REDES SOCIAIS :)

  • YouTube
  • Facebook
  • Pinterest
  • Instagram
whatsapp (1)_edited.png

Copyright ©, Clara Arruda - Todos os Direitos Reservados, feito com ❤️!

BA-210, sala, Tancredo Neves I | 48609-024-Paulo Afonso-BA | CNPJ: 02.000.568/0001-38